Viva São João

Viva São João

“Preparar para a grande roda. Olha o caminho da roça. Olha a chuva! É mentira. Olha o formigueiro! É mentira”.

Juntaram as duas turmas. Turmas A e B dançando juntas a quadrilha na quadra da escola. Professoras nervosas. Alunos no centro dos olhares. É um grande momento pra todos. Muita expectativa. Além da corda, muitos pais, avós, irmãos e muitas câmeras. Todos ansiosos.
E, nas duas turmas, tinha quatro meninos com autismo. Crianças que, pela sua dificuldade de processamento sensorial, podem não tolerar música alta, aglomeração de pessoas e muitos estímulos visuais. Podem não compreender a proposta de se proteger da chuva, da cobra e de um formigueiro imaginários. Só que compreenderam e, por isso, estavam lá como qualquer outro aluno da escola.

Foi assim, então, que João, Lucas, Pedro e Joaquim dançaram. Participaram e se divertiram. Acima de tudo, fizeram parte. Todos viram isso.

Opa! Mauro não ficou na fila nem um minuto, durante a quadrilha. Olhava para trás todo tempo. Chamava pela menina da frente. Mauro tem alguma questão? Tem. É bagunceiro. Léo não entrou. Ficou agarrado nas pernas do pai. Léo tem alguma questão? Tem! É tímido.

Mas todos estavam lá. Juntos! Enriquecendo o grupo que ficou ainda mais alegre em sua diversidade! Cada um participando dentro das suas possibilidades. Cada um do seu jeito. Cada um se divertindo independentemente de suas dificuldades. E isso é inclusão! Viva São João!!
_______________________________
* O texto acima foi baseado em fatos reais. mas os nomes foram alterados

Ciça Melo
cica.melo@paratodos.net.br